Pessoas doentias

Nem sempre damos por elas, ou melhor, damos sempre por elas, não passam despercebidas, contudo, não nos parecem tão doentias quanto são!
São gente presente, constante, ativa, aparentemente enérgica, dinâmica e empreendedora. São gente sempre atenta, sempre mexida, sempre pronta. Gente sempre muito disponível, muito interessada, muito preocupada. Gente muito valorizada, bem vista, acolhedora, simpática. São os manipuladores. Discretos (quando convém, como lhes convém). Acutilantes. Doentios. Sugam-nos a energia, a força. Sugam tudo o que os rodeia. Vampiros. Cansativos, levam os restantes ao desgaste, ao cansaço, à desmotivação, ao desinteresse. Vampiros que nos levam todas as gotas de sangue. E nós (quase) deixamos.  Levam-nos muito, mas não nos levam tudo! Podem roubar-nos, todos os dias! Podem matar-nos um pouquinho todos os dias. Mas não nos podem levar nem a alma, nem o pensamento.
Esses são livres e são nossos!

Sobre Regina

Acerca de mim? Sei lá! Tenho dias… Dias bons, dias maus! Momentos. As nossas vidas são feitas de momentos… Este espaço? É meu. Sobre mim. É o meu espelho… Disseram-me que o meu sorriso é o Espelho da minha Alma. E eu concordo.
Esta entrada foi publicada em Pensamentos. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s