Por falar em educação e por falar em pão por Deus…

Por falar em educação e por falar em pão por Deus, a minha forma de educar é a de dar a oportunidade e responsabilidade, de permissão e não proibição, de experimentação e não rejeição.
No ano passado, as minhas filhas quiseram ter a experiência de participar na tradição do  Pão por Deus, e eu autorizei, mesmo não sendo grande apreciadora, mas sobretudo contando que a experiência lhes trouxesse algo de útil e lhes servisse para alguma ilação do sentido da avaliação de todos os seus atos. Serviu. Este ano não quiseram voltar. Oxalá, nem eu, nem elas alguma vez precisemos de peditórios pessoais.
Precisamos dos outros, todos os dias, e nunca nos esquecemos disso.
Eu nunca me esqueço. Por isso choro e por isso rio. Por isso sofro e por isso me enriqueço.
Espero que nunca precisemos de pedir coisas materiais, e que tenhamos sempre das emocionais para dar e receber.
Essas aconchegam-nos a alma. Esteja o corpo alimentado, melhor ou pior!

Anúncios

Sobre Regina

Acerca de mim? Sei lá! Tenho dias… Dias bons, dias maus! Momentos. As nossas vidas são feitas de momentos… Este espaço? É meu. Sobre mim. É o meu espelho… Disseram-me que o meu sorriso é o Espelho da minha Alma. E eu concordo.
Esta entrada foi publicada em Pensamentos com as etiquetas , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s