Morrer em Paz

Há dias em que ficamos tristes!
A dor dos outros também nos dói…
Esquecemos os nossos problemas e as nossas angústias e tentamos fazer o impossível: consolar as almas que vivem as turbulências mais difíceis que a vida dá, as dores maiores que se podem ter, as perguntas que não têm resposta, as ausências que perturbam, as feridas que nunca saram…
A vida e as suas razões são incompreensíveis!
Para quê colocar questões, se aquilo que temos de fazer é dar o nosso melhor enquanto cá estamos, dar-nos aos outros e servir-lhes de consolo quando precisam… Se o fizermos vamos em paz… O tributo que cá fica é o bem que fizemos em vida… E a homenagem que nos fazem é ninguém esquecer isso… As razões porque Deus nos leva mais cedo ou mais tarde, de um modo ou de outro, não têm importância nenhuma!

Anúncios

Sobre Regina

Acerca de mim? Sei lá! Tenho dias… Dias bons, dias maus! Momentos. As nossas vidas são feitas de momentos… Este espaço? É meu. Sobre mim. É o meu espelho… Disseram-me que o meu sorriso é o Espelho da minha Alma. E eu concordo.
Esta entrada foi publicada em Pensamentos com as etiquetas . ligação permanente.

Uma resposta a Morrer em Paz

  1. pipidebico diz:

    Já passou um ano…
    Não…Não o perdi!
    Guardei-o com todo o AMOR no meu coração!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s