Natal

Aproxima-se o Natal…
O tempo passa depressa!
Voltamos à correria, aos embrulhos, à azáfama!
O espírito natalício, de bondade e solidariedade, resume-se a uma troca de presentes, uns votos de Feliz Natal, umas lembranças, umas mensagens e uns postais!
Todas essas coisas são boas de receber…
Uma das coisas bonitas que recordo da minha infância, é o Natal.
Era bonito e tranquilo.
A tradição, na nossa casa, era algo de que eu gostava e ainda hoje estranho a mudança de hábitos.
No início de Dezembro, as crianças iam apanhar musgo. Todos fazíamos presépios em casa. Enormes presépios, cheios de bonecos, bem decorados, com pontes e rios, lagos e florestas, vilas e serras, rebanhos e pastores… Fazíamos uma espécie de competição, saudável, muito saudável, para vermos qual dos presépios era maior e mais bonito!
Todos os dias mudávamos os reis magos no seu percurso… Um passinho mais à frente, até à noite de Natal, onde alcançavam a cabana.
Havia estrelas e luzinhas… O presépio era um ritual, que fazíamos com gosto.
Árvore de Natal, não fazíamos. E não era o Pai Natal que descia a chaminé, era o Menino Jesus.
Eu, como não sou dada a fantasias, nunca alimentei a ideia do Pai Natal junto das minhas filhas. Elas sempre souberam que quem dava os presentes era a família. Nunca acreditaram nas histórias que se contam. Mesmo sendo estranho, para muitas pessoas, esta minha frontalidade, até com as minhas filhas, eu não me arrependo de não lhes ter alimentado estas histórias, e estas fantasias. Elas gostam do Natal, mesmo não acreditando no homenzinho das barbas brancas e suas renas!
Na minha infância, apesar de se contar que o Menino Jesus trazia os presentes, nós também sabíamos quem dava o quê. E gostavamos muito do ritual da noite de 24. Jantávamos os quatro a tradicional ementa, e as três íamos à Missa do Galo. Voltávamos, colocávamos um sapato de cada um de nós junto ao presépio e deitávamo-nos. Tínhamos de dormir. Enquanto não dormissemos, os presentes não apareciam. Até à noite de 24 não havia qualquer embrulho que se visse. Eram todos muito bem escondidos, a minha mãe escondia-os em locais muito secretos. Quando adormecíamos, ela colocava à frente de cada sapato os presentes a que cada um eram destinados. A meio da noite, eu e a minha irmã acordávamos, descíamos as escadas, em silêncio, até ao presépio que ficava no rés-do-chão, e levávamos para o nosso quarto os nossos presentes. Era uma alegria. Desembrulhávamos os presentes, delíciavamo-nos com o que recebíamos, e a seguir dormíamos o resto da noite. Ainda hoje, recordo alguns presentes que me deixaram muito feliz. De manhã, quando voltávamos a acordar, voltávamos a descer as escadas e levávamos ao quarto dos nossos pais os embrulhos que lhes cabiam, para eles desembrulharem. Nessa altura, a minha mãe dizíamos quem nos tinha dado os nossos presentes.
Eram momentos muito bonitos.
Hoje, a tradição é diferente. Os presentes ficam todos junto à árvore, não fazemos presépio, não vamos à missa do galo  e distribuem-se os presentes logo após o jantar! A única tradição que se mantém é a ementa.
O Natal é muito bonito, para quem não vive só, para quem tem a família completa, para quem tem uma família normal.
Para os outros, onde há ausências, onde fazem falta os falecidos, onde não há comida, onde não há presentes, onde as crianças passam a noite com a mãe e o dia com o pai ou vice-versa, conforme o Juíz decretou, para tantos que não têm casa, nem uma refeição digna, para esses dos quais nunca nos lembramos, nem no Natal, ou apenas no Natal, é a noite longa e triste…

Anúncios

Sobre Regina

Acerca de mim? Sei lá! Tenho dias… Dias bons, dias maus! Momentos. As nossas vidas são feitas de momentos… Este espaço? É meu. Sobre mim. É o meu espelho… Disseram-me que o meu sorriso é o Espelho da minha Alma. E eu concordo.
Esta entrada foi publicada em Pensamentos com as etiquetas , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s